OPRESSÃO,PACIÊNCIA E VIOLÊNCIA. BASTA!

Conselho Nacional de Justiça (CNJ)

VILENCIA CONTRA AMULHER

O Conselho Nacional de Justiça (CNJ) é parceiro da Campanha Compromisso e Atitude que ajuda no enfrentamento à violência doméstica. No site da campanha é possível acessa a legislação, obter dados e estudos e saber sobre as ações em andamento e sobre a rede de serviços à disposição das mulheres. A informação é a melhor ferramenta para garantir os direitos das mulheres. 

As violências que as mulheres sofrem são extremamente subjetivas. O olhar de Simone de B alertou há muito tempo que elas são históricas os homens mandam sabem disse e usam disto até o momento presente. Tenho várias histórias que amigas me contam você deve ter uma também…que a força da Fé que nunca seca nos proteja desta tal submissão que a história faz questão de nos manter para sempre em segundo lugar. Sempre tempo que os homens não toleram aí como diz Simone de Beauvoir “O homem é definido como ser humano e a mulher é definida como fêmea. Quando ela comporta-se como um ser humano ela é acusada de imitar o macho.”  É as violências ainda estão cada vez mais sutis. Muitas vezes o simples fato que queremos opinar em compartilhar agendas trona-se motivo de rompimento. Pois estes “tais” homens cultos, sábios, vividos, modernos, voltados por causas sociais e geralmente muito bem nascidos. Só permitem que eles decidam para o beneficio  deles próprios e mais nada. De  preferência que a decisão seja perfeitamente unilateral e claro acomode muito bem o “umbigo dele” Esconde-se no chavão  – “ Estou respeitando a sua liberdade de ser feliz”. Desde que ele não faça se quer um movimento, em beneficio da convivência a dois que lhe possa causar algum tipo de perda. Porque será que isto não muda. Onde nós mulheres mães erramos e criamos seres tão egoístas. Nossa como isso dói. Sabemos que existem muitas historias que  muitas mulheres vivenciam. Precisamos divulgar.

A paciência – é uma das – qualidades femininas que têm como origem a nossa opressão, mas que deve ser preservada após a nossa libertação.” ―Simone de Beauvoir

Anúncios

Muitos tributos para SIMONE. Sim ela merece.

simone de beauvoir

Penso que se nossa história fosse reescrita não faríamos tudo igual. No momento presente teríamos condições de  respeitar as considerações históricas e nossa relação entre pessoas, de sexualidade diversa ganhariam uma nova e mais verdadeira convivência HUMANA.

Simone-de-Beauvoir444

Simone Lucie-Ernestine-Marie Bertrand de Beauvoir, mais conhecida como Simone de Beauvoir, foi uma escritora, filósofa existencialista e feminista francesa.

segundo sexoO homem é definido como ser humano e a mulher é definida como fêmea. Quando ela comporta-se como um ser humano ela é acusada de imitar o macho.” SIMONE DE BEAUVOIR

%d blogueiros gostam disto: